Últimos dias para visitar “Floresta d’Água”, de Afonso Tostes, no Sesc...

Além de colocar o público em contato com o pensamento escultórico do artista e sua relação com a natureza, a mostra promove um diálogo entre os trabalhos e o espaço que Lina Bo Bardi dedicou às oficinas

Galeria Leme/AD apresenta exposição do fotógrafo Luiz Braga

Intitulada “Luiz Braga: interiores, retratos [e paisagens]”, mostra reúne principalmente cenas de interiores, por vezes habitados por pessoas, por outras apenas com objetos

No mês da fotografia, mostra de Carlos Moreira é inaugurada no...

Grande retrospectiva traz cerca de 400 obras do fotógrafo e tem curadoria de Fabio Furtado, Regina Martins e Rodrigo Villela

Oskar Metsavaht retorna à sua divina geometria

Apresentada no Rio de Janeiro durante as Olimpíadas de 2016, mostra ocupa salas do Museu de Arte Sacra de São Paulo com novas obras

Éder Oliveira, Regina Parra e Virginia de Medeiros expõem no Instituto...

Mostra coletiva "Jamais me Olharás lá de Onde te Vejo" propõe reflexões acerca do retrato como gênero pictórico e como forma de reconhecer e atribuir identidades

Galeria Karla Osório inaugura três individuais simultâneas

Rodrigo Garcia Dutra, Gustavo Silvaamaral e Bruno Duque ocupam espaços internos e externos da galeria brasiliense

Vaivém: olhar histórico e lúdico sobre a identidade brasileira

Mostra que termina em São Paulo no dia 29 de julho aterrizará em Brasília no início de setembro

MAC expõe parte de sua coleção de desenhos em nova mostra

Obras do acervo do Museu de Arte Contemporânea da USP, no Ibirapuera, dialogam com trabalhos de artistas contemporâneos nacionais e estrangeiros

Exposição na Casa de Cultura do Parque discute produção tridimensional contemporânea

Pensamento atual em torno do trabalho escultórico é apresentado em trabalhos de diversos artistas; no dia da abertura, José Miguel Wisnik fala sobre o processo de criação da performance "Máquinas do Mundo"

Casa Roberto Marinho apresenta mostra com artistas estrangeiros de sua coleção

Mais de 150 peças de nomes que vão de Debret e Castagneto a Chagall, Dalí e Léger ocupam o espaço carioca, localizado no Cosme Velho