"Geografia", de Cinthia Marcelle, na Mostra 3M de Arte. Foto: Karina Bacci

10ª Mostra 3M de Arte, em conversa com a natureza

A persistência das relações entre a arte, a natureza e a cidade encontra elementos simbólicos e narrativos na coletiva Lugar Comum: travessias e coletividades...

Pinacoteca do Estado: Acervo radical

Inclusiva e arrojada. A nova disposição do acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo, aberta no final de outubro passado, é um salto...
visita sesc pompeia

Uma visita ao Sesc Pompeia em tempos de pandemia

A primeira visita a exposições de arte contemporânea, após oito meses de confinamento, ganha relevância na atualidade da obra do franco-argelino Kader Attia
Rimaro

Quais são nossas ideias para adiar o fim da arte?

No Sesc Piracicaba, 15ª Bienal Naïfs do Brasil, intitulada "Ideias para adiar o fim da arte", reflete sobre as narrativas que constroem a história brasileira, propõe atenção à visão periférica e um olhar não generalista para os artistas populares; assista ao vídeo
Claudio Tozzi em seu estúdio, ao lado da obra "Chuva"

Revisitando a obra de Claudio Tozzi

A obra de Claudio Tozzi está sendo revisitada em exposição ao mesmo tempo presencial e virtual, em cartaz na galeria e no site da...

Fortes D’Aloia & Gabriel inaugura plataforma dedicada a filmes de artistas

Entre as dez obras expostas na plataforma fdag-film está o novo trabalho de Bárbara Wagner e Benjamin de Burca, apresentado em primeira mão no seminário da arte!brasileiros em outubro
Detalhe de Rejeito, de Marcelo Moscheta

A arqueologia do rejeito

Caminhando pela Fábrica de Arte Marcos Amaro é possível ver as salas expositivas, esculturas ao ar livre, uma vegetação diversa e muitas folhas secas...
Pintura horizontal "Rio Amazonas", de Aguilar, em meio à uma sala de exposição.

Os 60 anos de arte de Aguilar

Em nova mostra com 69 telas o artista revela uma cosmologia que abrange desde os filósofos da antiguidade até a defesa das florestas e rios amazônicos
"Trópicos Malditos, Gozosos e Devotos 07" (2020), Rivane Neuenschwander. Foto: Divulgação.

Rivane Neuenschwander enfrenta a paralisia do medo na sociedade contemporânea

Na exposição "Trópicos Malditos, Gozosos e Devotos", que esteve em cartaz na galeria nova-iorquina Tanya Bonakdar, artista alerta para a necessidade de nomear, corporificar e enfrentar os medos em suas dimensões íntimas ou coletivas
No primeiro plano, divisões de madeira na parede tem o escrito "Entre Bordas", na vertical. Ao fundo, uma mulher olha quadros da exposição "Entre bordas - sons que escapam" na parede

“Entre Bordas – Sons que Escapam”, nova exposição presencial do Sesc...

Quais são os sons que escapam das bordas? É dessa pergunta que parte Entre Bordas - Sons que Escapam, a nova exposição presencial do...
Fale com a gente