EntreMeadas — Sesc Vila Mariana

Assista à entrevista com Adélia Borges, curadora da exposição que reúne 60 obras inéditas produzidas por mulheres artesãs de cidades do interior de São Paulo

21ª Sesc_Videobrasil: comunidades imaginadas — Sesc 24 de Maio

Com 55 artistas de diferentes cantos do mundo, evento levanta discussões políticas sobre a causa indígena, a luta das comunidades LGBT, os conflitos raciais e as tensões de fronteira; assista ao vídeo com o curador Gabriel Bogossian falando à ARTE!Brasileiros sobre a bienal

Eduardo Saron, Fabio Szwarcwald e Jochen Volz debatem a gestão cultural...

Diretores do Itaú Cultural, da EAV Parque Lage e da Pinacoteca de São Paulo participaram do seminário realizado pela ARTE!Brasileiros e pelo Itaú Cultural e falaram sobre a busca de um público participativo nas instituições culturais

Cildo Meireles: Entrevendo

Assista à entrevista com o artista e a curadora Júlia Rebouças sobre a exposição em cartaz no Sesc Pompeia

Assista às palestras do Seminário “A Arte como construção de mundos”

Parceria da FAMA, Galeria Estação e ARTE!Brasileiros leva cerca de 400 pessoas à Itu no 7 de setembro de 2019.

A Bienal de Arquitetura de São Paulo contra a megalomania

Intitulada "Todo Dia", a 12a edição da mostra se volta para o cotidiano através de trabalhos multidisciplinares e multímidia apresentados no Sesc 24 de Maio e no CCSP

Com 33 galerias, SP-Foto estreita vínculos internacionais e inaugura setor editorial

Em sua 13a edição, feira reúne no Shopping JK-Iguatemi trabalhos de cerca de 300 fotógrafos e promove conversas, debates e programa de imersão profissional

Gold: Mina de Ouro Serra Pelada — Sesc Avenida Paulista

Exposição com 56 fotografias tiradas por Sebastião Salgado em mina paraense teve 3500 visitas em apenas um dos dias desde sua abertura. Assista

Dora Longo Bahia: de frente pro crime

Tadeu Chiarelli escreve sobre exposição da artista, em cartaz na Galeria Vermelho
Marcel Giró

A aura, a reprodutibilidade e o vintage

O que diria Walter Benjamin se reaparecesse por aqui? Como reagiria frente à arte e sua reprodutibilidade depois, sobretudo, da internet e dos smartphones?