Kader Attia - irreparáveis reparos
Esculturas de Kader Attia expostas na mostra Irreparáveis Reparos. Foto: Gui Gomes/ Divulgação

Filho de pai argelino e mãe berbere, Kader Attia é um dos artistas franceses mais reconhecidos da sua geração. Ele cresceu na Argélia e nos subúrbios de Paris e usa essa experiência de viver entre duas culturas como ponto de partida para desenvolver sua prática artística, com a qual podemos entrar em contato em Irreparáveis Reparos, mostra individual do artista em cartaz no Sesc Pompeia até 30 de janeiro.

Em sua obra, Kader tem demonstrado interesse especial na noção de reparação, conceito entendido por ele como um processo de aperfeiçoamento e cicatrização, seja das instituições ou das tradições, dos sujeitos ou dos objetos; algo que pode estar ligado às perdas ou às feridas, à recuperação ou à reapropriação. Em Irreparáveis Reparos, sua reflexão principal ocorre no período posterior ao conflito – no que resta e na ausência –, utilizando também do vazio para indicar a antiga presença de algo. 

Assista ao vídeo e saiba mais:

Quer saber mais sobre a mostra? A arte!brasileiros visitou a exposição e o colunista Fabio Cypriano conta um pouco de sua experiência pessoal em texto para a edição #53 da revista. Leia aqui.

Irreparáveis reparos – Kader Attia fica em cartaz até 30 de janeiro de 2021. Para a segurança de todos frente à pandemia de coronavírus, a temperatura corporal é aferida na entrada e o uso de máscaras é obrigatório durante toda a visitação. Reserve seu ingresso no site do Sesc Pompeia clicando aqui.

 

 

Inscreva-se em nossa newsletter

   

Deixe um comentário

Por favor, escreva um comentário
Por favor, escreva seu nome