Início Tags Claudinei roberto da silva

Tag: claudinei roberto da silva

panorama

37ª edição do Panorama da Arte Brasileira anuncia curadores e título da edição: “Sob...

Com curadoria de Cauê Alves, Claudinei Roberto da Silva, Cristiana Tejo e Vanessa Davidson, mostra bienal do Museu de Arte Moderna de São Paulo abre em julho e levanta debates sobre ausências e contradições na cultura nacional

Colaboradores da edição #57

Veja quem são alguns dos colaboradores da edição #55 da arte!brasileiros
No Martins

Nunca como agora: as pinturas recentes de No Martins

Com obras de grande porte que contrariam as narrativas onde a carência e a violência estão imediatamente associadas ao cotidiano dos negros, artista apresenta um projeto artístico que compreende sua dimensão social e histórica

Colaboradores da edição #56

Veja quem são alguns dos colaboradores da edição #55 da arte!brasileiros
sidney amaral

“Viver até o fim o que me cabe! – Sidney Amaral: uma aproximação”, no...

A arte!brasileiros visitou a exposição e conversou com o curador Claudinei Roberto da Silva sobre a obra de Sidney Amaral e sua luta por justiça e igualdade para a população afro-brasileira
"Cantos de Esquinas", Maxwell Alexandre, 2019. Photo: Gabi Carrera.

“Pardo é Papel” or the epic grandeur of a people in formation

Presented at Tomie Ohtake Institute after passing through Lyon, Porto Alegre and Rio, Maxwell Alexandre’s show portrays black people in everyday situations with a grandiose, consecrating and historic character
"Gargalheira ou quem falará por nós", Sidney Amaral, 2014. Foto: Coleção particular/Cortesia Sesc Jundiaí

Letter to Sidney Amaral

In the context of holding the exhibition "Viver até o fim o que me cabe! - Sidney Amaral: aproximação", at Sesc Jundiaí, artist and curator Daniel Lima writes a correspondence directed to the São Paulo artist, who died in 2017

Maxwell Alexandre: ‘Pardo é Papel’ ou a grandeza épica de um povo em formação

Apresentada no Instituto Tomie Ohtake após passar por Lyon, Porto Alegre e Rio, mostra de Maxwell Alexandre retrata com caráter grandioso, consagrador e histórico pessoas negras em situações do dia a dia 
Bem Me Quer, Mal Me Quer (2011), Sidney Amaral, exposta em VIVER ATÉ O FIM O QUE ME CABE - SIDNEY AMARAL: UMA APROXIMAÇÃO

Carta a Sidney Amaral

No contexto da realização da mostra “Viver até o fim o que me cabe! - Sidney Amaral: uma aproximação”, no Sesc Jundiaí, artista e curador Daniel Lima escreve uma correspondência direcionada ao artista paulistano, falecido em 2017

Colaboradores da edição #53

Veja quem são alguns dos colaboradores desta edição da arte!brasileiros