Conceição dos Bugres: tudo é da natureza do mundo MASP - Museu de Arte de São Paulo , Av. Paulista, 1578 - Bela Vista, São Paulo - SP
[PRESENCIAL] Conceição Freitas da Silva, mais conhecida como Conceição dos Bugres, é a artista escolhida para dar início ao biênio das Histórias brasileiras no MASP.  “Nesse país tão plural e diverso como é o Brasil, muitas histórias e agências ficaram à margem, por isso é tão fundamental iniciar esse ciclo de exposições com uma artista cuja produção tem um valor ainda a ser reconhecido e reposicionado na história da escultura em nosso país. Este projeto reafirma uma posição de Conceição dos Bugres como parte de um cenário amplo e inclusivo, ressaltando sua valiosa contribuição para a arte brasileira”, afirma Amanda Carneiro, curadora assistente no museu e curadora da exposição ao lado de Fernando Oliva, curador no MASP.
#Conceição dos Bugres, #MASP
13:00 - 18:00
De 14/05/2021
a 30/01/2022
Vânia Mignone Casa Triângulo , R. Estados Unidos, 1324 - Jardins, São Paulo - SP
[PRESENCIAL] A Casa Triângulo apresenta a décima segunda exposição individual de Vânia Mignone na galeria, coincidindo com o lançamento do novo livro da artista. Vânia Mignone é reconhecida por suas pinturas que exploram um universo infinito e particular, mas que, ao encontrar os olhos do observador, acabam por se tornar plurais. Não há como se confrontar com a obra da artista sem confrontar a si próprio. Horário de funcionamento: terça a sábado das 11h às 19h
#casa triângulo, #VÂNIA MIGNONE
11:00 - 19:00
De 08/05/2021
a 12/06/2021
Pardo é papel Instituto Tomie Ohtake , Rua Coropé, 88 - Pinheiros, São Paulo
[PRESENCIAL] O Instituto Tomie Ohtake recebe "Pardo é Papel", primeira individual de Maxwell Alexandre em São Paulo. A exposição, que tem 13 obras, levou 60 mil visitantes ao Museu de Arte do Rio - MAR em sua inauguração (2019) e passou recentemente pela Fundação Iberê, em Porto Alegre. 'Pardo é Papel' tem a realização do Instituto Inclusartiz, também responsável pela turnê da mostra.
12:00 - 17:00
De 08/05/2021
a 25/07/2021
Viver até o fim o que me cabe! Sesc Jundiaí , Av. Antônio Frederico Ozanan, 6600 - Jardim Botânico, Jundiaí - SP, 13214-206
[PRESENCIAL] Com curadoria de Claudinei Roberto da Silva, a exposição "Viver até fim o que me cabe!" homenageia a trajetória de Sidney Amaral, falecido em 2017, e reúne obras que evidenciam o caráter multidisciplinar do artista,reunindo trabalhos que transitam entre as linguagens do desenho, da pintura e da escultura, além de cadernos do artista e obras em processo.
#Sesc Jundiaí, #Sidney Amaral
14:00 - 20:00
De 10/05/2021
a 14/09/2021
Oficina Molina – Palatnik Sesc Avenida Paulista , Av. Paulista, 119 - Bela Vista, São Paulo - SP
[PRESENCIAL] Dois artistas conectados pelo apreço ao lúdico e pelo prazer da invenção - assim são Abraham Palatnik (1928 - 2020) e Mestre Molina (1917 - 1998), nomes emblemáticos da história da arte brasileira que integram o Acervo Sesc de Arte. Um diálogo entre suas produções artísticas será exibido ao público na mostra inédita Oficina Molina - Palatnik , em cartaz a partir de 2 de dezembro no Sesc Avenida Paulista. Com curadoria da equipe do Sesc São Paulo, neste encontro, o diálogo poético entre as obras de diferentes épocas da trajetória de Palatnik e Molina, artistas que compartilham um mesmo período histórico, evidencia que a ação de um objeto no espaço e no tempo, o movimento, é matéria plástica de inegável qualidade sensível.
#Abraham Palatnik, #Mestre Molina, #Molina, #Palatnik, #Sesc Av. Paulista, #Sesc SP
15:00 - 19:00
De 02/12/2020
a 29/05/2021
Acalantar Galeria Karla Osorio , SMDB Conjunto 31 Lote 1B - Lago Sul Brasília – DF
[PRESENCIAL] Em exposição individual, Alice Yura retoma a si e à História da Arte para discutir noções de corpo, do gênero e das subjetividades. "Ao recriar imagens que, em sua maioria, remetem diretamente à construção de um imaginário feminino, a artista questiona a carga de verdade contida nessas representações e como essas narrativas foram - e ainda são - importantes para a criação de um imaginário que contempla apenas uma única possibilidade", explica a curadora Carollina Lauriano. A exposição fica em cartaz até 13 de junho. Segunda à sexta, 9h às 18h30 | sábado 9h às 14h, sempre mediante agendamento.
#Alice Yura, #Karla Osório
09:00 - 14:30
De 08/05/2021
a 12/06/2021
1º Prêmio Vozes Agudas Galeria Karla Osorio , SMDB Conjunto 31 Lote 1B - Lago Sul Brasília – DF
[PRESENCIAL] A Galeria Karla Osorio apresenta a exposição coletiva Prêmio Vozes Agudas para Mulheres Artistas que estará em cartaz até 13 de junho, em parceria com o Coletivo Feminista Vozes Agudas. Participarão tanto as artistas contempladas com a premiação, quanto outras artistas convidadas que enviaram seus portfólios para o certame. Segunda à sexta, 9h às 18h30 | sábado 9h às14h, sempre mediante agendamento.
#Karla Osório, #Vozes agudas
09:00 - 14:30
De 08/05/2021
a 12/06/2021
Insônia Fortes D’Aloia & Gabriel , R. Fradique Coutinho, 1500 - Vila Madalena, São Paulo - SP, 05416-001
[PRESENCIAL / VIRTUAL] Em sua primeira exposição individual na galeria, a paulistana Yuli Yamagata apresenta 18 novas obras que arquitetam complexas relações entre a pintura, a escultura e o espectador. Ao longo dos últimos meses, a artista se debruçou, dentre outras referências, sobre a obra de David Lynch, trazendo para o corpo de trabalho da mostra algo do universo intangível proposto pelo cineasta. Nas palavras da artista: “Me interessa como o mistério se desenrola. É algo que você não entende, mas está no ar. Meu desejo é que as obras não sejam imediatamente digeridas. A continuação do trabalho não se dá nele próprio, mas em quem observa.”
12:00 - 18:00
De 23/04/2021
a 29/05/2021
Luiz Zerbini Anos 1990 Fortes D’Aloia & Gabriel , R. Fradique Coutinho, 1500 - Vila Madalena, São Paulo - SP, 05416-001
[PRESENCIAL / VIRTUAL] A Fortes D’Aloia & Gabriel apresenta uma exposição de trabalhos emblemáticos dos anos 1990 do artista paulista Luiz Zerbini. O segundo espaço expositivo do Galpão é ocupado por quatro trabalhos que têm em comum uma narrativa pessoal marcante e exploram o conceito do autorretrato, gênero clássico no cânone da história da pintura.
#Fortes D'Aloia e Gabriel, #Luiz Zerbini
12:00 - 18:00
De 26/04/2021
a 29/05/2021
Confinamentos Videobrasil , R. Jaguaré Mirim, 210 - Vila Leopoldina, São Paulo - SP, 05311-020
[VIRTUAL] Uma questão cronicamente desafiadora - e que ganha contornos inesperados em tempos de pandemia - fundamenta a seleção criada pela escritora Juliana Borges para a Videobrasil Online. "Confinamentos" lança um olhar abrangente para três décadas de acervo histórico da plataforma, selecionando obras que põem em pauta as diversas formas de cerceamento físico e psicológico a que estamos submetidos, indo do encarceramento em massa aos interditos do racismo, da ideia de manicômio às prisões políticas, da criminalização da homossexualidade à perversidade do monitoramento digital. Disponível para acesso até 4 de julho, projeto reúne obras de artistas como Coco Fusco, Frente 3 de fevereiro, Kiko Goiffman, Megan-Leigh Heilig, Lucila Meirelles, Juvenal Pereira e Alyona Larinokova. 
12:00 - 23:00
De 10/05/2021
a 04/07/2021
Exposição Enciclopédia Negra Pinacoteca , Praça da Luz. 2 11 3324-1000
[PRESENCIAL] A Pinacoteca de São Paulo inaugura Enciclopédia negra. Pela primeira vez, a exposição torna pública as 103 obras realizadas por artistas contemporâneos para um livro homônimo de autoria dos pesquisadores Flávio Gomes e Lilia M. Schwarcz e do artista Jaime Lauriano, publicado em março de 2021 pela Companhia das Letras. A mostra é um desdobramento da publicação e também se conecta com a nova apresentação da coleção do museu que se apoia em questionamentos contemporâneos e reverbera narrativas mais inclusivas e diversas.
#A Enciclopédia Negra, #pinacoteca
11:00 - 19:00
De 01/05/2021
a 08/11/2021
O real resiste Mul.ti.plo Espaço Arte , Rua Dias Ferreira, 417, sala 206 - Leblon, Rio de Janeiro
[PRESENCIAL] A Mul.ti.plo Espaço Arte apresenta a mostra "O Real Resiste", que traz 30 gravuras das imagens concebidas para os cartazes do tipo “lambe-lambe” utilizados na intervenção urbana de mesmo nome, realizada no Rio de Janeiro, em agosto e setembro de 2020. Na ocasião, artistas de distintas gerações, idades, áreas da cidade, linguagens e poéticas espalharam mensagens nos mais diferentes pontos do Rio, num ato de reafirmação da arte e da vida em tempos de demolição da cultura, de negacionismos, da escalada do poder punitivo, da mediocridade, do preconceito e da incapacidade de gestão da pandemia. A exposição na Mul.ti.plo vai de 22 de abril a 18 de junho de 2021, atendendo ao público de acordo com as regras sanitárias.
#Arnaldo Antunes, #Mul.ti.plo Espaço Arte
11:00 - 18:00
De 22/04/2021
a 18/06/2021
Mario Cravo Neto: espíritos sem nome Instituto Moreira Salles , Avenida Paulista, 2424 - São Paulo/SP
[PRESENCIAL] Fotógrafo, escultor, desenhista e cineasta, Mario Cravo Neto (1947-2009) é um nome central da arte brasileira do século XX. Aproximando arte e vida, criou imagens vibrantes, nas quais investigou temas como a religiosidade, a natureza, o gesto e o sagrado. Sua obra é exibida na exposição Espíritos sem nome, com curadoria de Luiz Camillo Osorio, professor da PUC-Rio e crítico de arte. Concebida em parceria com o Instituto Mario Cravo Neto, a mostra foca na produção fotográfica do artista, linguagem que consagrou sua carreira. A seleção apresenta as principais séries produzidas ao longo de sua trajetória, entre as décadas de 1960 e 1990. No total, são exibidos cerca de 322 itens, incluindo, além de fotos, vídeos, desenhos, álbuns, documentos e instalações. 
#IMS, #Instituto Moreira Salles, #Mario Cravo Neto
12:00 - 18:00
De 01/05/2021
a 26/09/2021
Palavras cruzadas, sonhadas, rasgadas, roubadas, usadas, sangradas Instituto Moreira Salles , Avenida Paulista, 2424 - São Paulo/SP
[PRESENCIAL] O IMS Paulista apresenta exposição inédita de Miguel Rio Branco (1946), um dos nomes mais respeitados da fotografia brasileira contemporânea. A mostra revê a contribuição original do artista ao usar a fotografia como elemento básico de uma escrita visual, capaz de dar novos sentidos às imagens. Para isso, o artista revê seu arquivo de vida inteira, das raras imagens em preto em branco, capturadas na Nova York dos anos 1970, quando iniciava suas experimentações artísticas, até trabalhos recentes. A seleção reúne mais de 200 obras que investigam temas como a sexualidade, a violência, a dor e a solidão. A curadoria da mostra é de Rio Branco e Thyago Nogueira, coordenador da área de Fotografia Contemporânea do IMS.
#IMS, #Instituto Moreira Salles, #Miguel Rio Branco
12:00 - 18:00
De 01/05/2021
a 22/08/2021
Desmanche Centro Cultural Vale do Maranhão , Av. Henrique Leal, 149 - Centro, São Luís - MA, 65010-160
[VIRTUAL] Com curadoria de Gabriel Gutierrez, diretor e coordenador artístico do Centro Cultural Vale do maranhão, "Desmanche" traz 33 obras de artistas brasileiros selecionadas por meio do edital Ocupa CCVM 2020/2021, e tem como fio condutor a principal diferença da humanidade quando comparada ao mundo animal, que é a capacidade de construir, fabricar, produzir, criar, desconstruir, reciclar e reinventar. Compõem a exposição trabalhos de diversas linguagens artísticas, dentre elas, desenho, pintura, vídeo, instalação, vídeo-performance e fotografia. 
#Centro Cultural Vale do Maranhão
10:00 - 23:00
De 20/04/2021
a 31/08/2021
Três Artistas de Engenho de Dentro Museu de Imagens do Inconsciente , R. Ramiro Magalhães, 521 - Engenho de Dentro, Rio de Janeiro - RJ, 20730-460
[VIRTUAL] O Museu de Imagens do Inconsciente (MII) apresenta a exposição virtual “Três Artistas de Engenho de Dentro”, com um recorte inédito que reúne 90 obras muito pouco conhecidas pelo público, de Adelina Gomes (1916-1984), Fernando Diniz (1918-1999) e Octávio Ignácio (1916-1980). Com curadoria de Marco Antonio Teobaldo, Luiz Carlos Mello e Eurípedes Gomes da Cruz Júnior, a mostra acontece em formato digital e permite valorizar a força de cada um dos trabalhos, que “reconta de certa forma suas trajetórias, traço característico do resultado do trabalho criado e desenvolvido pela Dra. Nise da Silveira (1905-1999)”, comenta Marco Antonio Teobaldo.
#Adelina Gomes, #Fernando Diniz, #Museu de Imagens do Inconsciente, #Octávio Ignácio
18:30 - 23:00
De 18/05/2021
a 18/07/2021
Hábito | Habitante EAV Parque Lage , Rua Jardim Botânico, 414 Jardim Botânico – Rio de Janeiro, RJ
[PRESENCIAL / VIRTUAL] A mostra coletiva "Hábito/Habitante" reúne obras de mais de 40 artistas brasileiros de diferentes gerações e apresenta um arco de trabalhos que partem da década de 1960 e apontam para as coletividades. A curadoria de Ulisses Carrilho é pautada por conceitos como vigilância, controle e captura dos corpos, discutidos em “1984”, o clássico livro de George Orwell, tão presentes em tempos pandêmicos. São cerca de 60 obras que aludem a discursos sociais e refletem sobre ideias como “hábito”, “repetição” e “distância”, que foram radicalmente reorientadas pela pandemia da Covid-19.
#eav parque lage
09:00 - 17:00
De 01/05/2021
a 28/06/2021
As metamorfoses – Travestis e transformistas na São Paulo dos anos 70 Instituto Moreira Salles , Avenida Paulista, 2424 - São Paulo/SP
[PRESENCIAL] No centenário de Madalena Schwartz (1921-1993), o IMS Paulista apresenta a exposição "As metamorfoses". A mostra exibe o ensaio no qual a fotógrafa registrou travestis e transformistas que frequentavam a cena alternativa de São Paulo, na primeira metade dos anos 1970, em plena ditadura militar. Há retratos de nomes como Ney Matogrosso e os integrantes do grupo Dzi Croquettes, até figuras hoje menos conhecidas. Em diálogo, a exposição traça um breve panorama da fotografia latino-americana dedicada aos mesmos temas. A seleção das obras é de Gonzalo Aguilar, professor de literatura brasileira na Universidade de Buenos Aires, e Samuel Titan Jr., coordenador executivo do IMS e docente de teoria literária na Universidade de São Paulo. Visitação até 26 de setembro, mediante agendamento. Horário de funcionamento: Terça a domingo , das 12h às 18h. Última entrada às 18h.
#IMS, #Madalena Schwartz
12:00 - 18:00
De 01/05/2021
a 26/09/2021
O tempo é agora, tempo de espera Galeria Athena , R. Estácio Coimbra, 50 - Botafogo, Rio de Janeiro - RJ, 22260-010
[VIRTUAL] A mostra contará com onze trabalhos produzidos entre 2017 e 2020, sobre papel, fotografias, colagens, monotipias e vídeo, que convidam o espectador a pensar sobre o diálogo com a natureza, o tempo, a transiência e um espaço entre as coisas. Como cita Laura Belém em texto que acompanha a exposição “a natureza não é uma temática em si em minha poética, mas uma ponte com o mundo, e por isso considero que os trabalhos são criados a partir da natureza, em diálogo com ela, e não sobre ela”.
#galeria athena, #Laura Belém
11:00 - 20:00
De 15/04/2021
a 22/05/2021
Tempo Galeria Simões de Assis | São Paulo , R. Sarandi, 113a - Cerqueira César, São Paulo - SP, 01414-010
[PRESENCIAL / VIRTUAL] Gonçalo Ivo volta a expor em São Paulo depois de mais de uma década desde sua última individual na capital paulista, em 2008. Desta vez, o artista carioca apresenta sua produção mais recente, com obras produzidas nos três últimos anos e que contextualizam as suas pesquisas atuais: as grandiosas Cosmogonias, que revelam um tempo suspenso e a possibilidade de um silêncio vibrante que quase sempre nos escapa hoje em dia, ensejando o título dado à exposição.  Visitação: de 22/04 a 12/06/2021; segunda a sábado, 10h-19h.  Visitação apenas com hora marcada.
10:00 - 19:00
De 22/04/2021
a 12/06/2021
1 2 3
Fale com a gente