Still de filme de Arthur Jafa.

A partir de 21 de março, o espaço Arte no 5o andar do Sesc Avenida Paulista receberá a mostra O Tempo Mata (Time Kills), que é formada por produções audiovisuais de 17 artistas de diferentes nacionalidades. Além das exibições, alguns dos títulos serão comentados por Tiago Mesquita, Fernanda Brenner, Patricia Mourão e Luiz Roque.

Com duração de três meses, a mostra tem parceria com a Julia Stoschek Collection, instituição sediada na Alemanha que têm em seu acervo 850 obras de 255 artistas. A curadoria da exposição é de Rodrigo Moura, que acaba de assumir o cargo de curador chefe do El Museo del Barrio.

Dentre os trabalhos que serão exibidos estão obras de Douglas Gordon, Arthur Jafa, Rachel Rose, Hito Steyerl, Chris Burden, Monica Bonvicini, Ulay e Jack Smith, que tem como temáticas “raça, cultura visual, identidade de gênero, o papel de artistas na sociedade e a circulação de imagens nos meios de comunicação”.

Para o curador, a autorrepresentação e a ficcionalização da vida são “dois possíveis enquadramentos temáticos que perpassam a mostra, servindo como polos conceituais úteis para navegá-la, mas que não esgotam as possibilidades de leitura das obras apresentadas e das relações entre elas”. Outros espaços da unidade do Sesc também receberão uma programação vinculada à exposição, como o 6o andar do prédio e a praça no térreo.

Deixe um comentário

Por favor, escreva um comentário
Por favor, escreva seu nome