Eduardo Navarro: Predição Instantânea do Tempo
15:00 15 de junho de 2019 to 17:00 27 de julho de 2019
Pivô, Av. Ipiranga, 200 - República, São Paulo - SP Como chegar
O trabalho de Eduardo Navarro investiga possíveis pontos de convergência entre arte e ciência, dedicando especial atenção às possibilidades de diálogo entre espécies. O artista frequentemente trabalha com colaboradores de diversas áreas técnicas que o ajudam a desenvolver dispositivos especiais para medir, mapear e investigar os efeitos dos fenômenos naturais na experiência humana, abrindo assim novas possibilidades de contato e interação com o nosso entorno imediato. As performances e instalações de Navarro, muitas vezes dependem de artistas, bailarinos e voluntários para acontecer. Suas propostas envolvem desde de coreografias complexas até desenhos comestíveis, em que ele parte de experiências sensoriais para colocar em cheque a separação ocidental entre natureza e cultura. Predição Instantânea do Tempo é um projeto comissionado pelo Pivô e realizado em seu espaço expositivo principal. Navarro partiu de uma pesquisa sobre o movimento dos ventos para conceber uma grande instalação composta por 30 trajes que serão ativados por performers e bailarinos ao longo da exposição. Assim como em trabalhos anteriores, como Timeless Alex (Alex Atemporal), 2015 e Octopia, 2016, em que Navarro desenvolveu uma indumentária especial para habitar o corpo de outras espécies (tartarugas e polvos), em Predição Instantânea do Tempo, o artista cria uma espécie de "roupa-biruta" que conecta o corpo com o ar em movimento. Para desenvolver os trajes, Navarro observou atentamente os vetores criados pela representação cartográfica das correntes de ar sobre a Terra e também a mecânica dos indicadores de vento, mais conhecidos como "birutas". Tanto o sentido figurado quanto o valor utilitário do objeto interessam ao artista. A biruta se esvazia ou se enche de ar, indicando o deslocamento do vento, e é surpreendente pensar que ainda sejam fundamentais na organização do tráfego aéreo na maior parte do mundo. As roupas criadas pelo artista com tecido à base de nylon, - comumente usado em paraquedas e guarda-chuvas - replicam o "ballet-eólico" dos indicadores de vento através do movimento de quem as veste. Navarro desenvolveu junto com a bailarina e coreógrafa paulista Zélia Monteiro uma série de movimentos coreográficos em que bailarinos investigam o potencial plástico e a eficiência desses aparatos em resposta, e em relação, às correntes de vento dentro e fora do Pivô. Haverão duas ações programadas no início e no final da exposição, além de programas públicos em que os visitantes são convidados a experimenta-los. Quando não estão em uso, os trajes ocupam o espaço do Pivô como uma espécie de instalação-laboratório, onde são postos à espera de seus usuários-meteorologistas. O artista pediu para que as janelas do espaço permaneçam sempre abertas, provocando a entrada das correntes de ar pelos corredores e fazendo com que as roupas se movimentem de acordo com as variações meteorológicas que ocorrerão durante o período expositivo. Em Predição Instantânea do Tempo, Navarro desenvolve mais um projeto que aponta para uma forma de tecnologia sensorial que desencadeia conexões entre o corpo, o espaço urbano e a natureza. Ele explora formas de transformação da percepção para propor novas maneiras de relacionamento entre o humano e o seu meio. A exposição foi viabilizada por meio de uma parceria anual com o Instituto Inclusartiz. A convite do Instituto, Eduardo Navarro viajou ao Rio de Janeiro para realizar uma residência durante a fase de pesquisa do projeto. Lá ele esboçou os trajes e fez os desenhos utilizados na comunicação visual da exposição no Pivô. Durante o período de exposição, ele voltará ao Rio de Janeiro para conduzir um programa público no Parque Lage (detalhes a confirmar). Essa é a segunda edição da parceria com o Instituto, sendo que a primeira viabilizou a exposição e residência do artista mexicano Rodrigo Hernández.

Location

Share our event

Deixe um comentário

Por favor, escreva um comentário
Por favor, escreva seu nome