51ª Anual de Arte + Paris está Chamas
19:00 18 de novembro de 2019 to 18:19 1 de novembro de 2019

As obras da 51ª edição da Anual de Arte foram selecionadas por uma comissão formada pelas artistas e professoras Andrea Tavares e Monica Barth, e pelos curadores e também professores, Nancy Betts e Marcos Moraes, coordenador dos cursos de Artes Visuais e da Residência Artística da FAAP.

Para a seleção dos trabalhos, a comissão levou em consideração critérios como clareza nas propostas, coerência entre o projeto, a obra e a montagem, relevância entre as questões contemporâneas, superação de limites referenciais, potência do discurso e a capacidade de mobilizar os sentidos.

O público poderá conferir trabalhos em diferentes linguagens, técnicas, suportes e mídias, como pinturas, gravuras, instalações, vídeos, fotografias, entre outros. De acordo com o professor Marcos Moraes, a Anual de Arte FAAP é um ambiente de reflexão sobre os possíveis rumos da produção contemporânea, de investigação e de provocação artística, na qual é possível avaliar a diversidade de propostas, a abordagem de temas da contemporaneidade, além do caráter experimental e o envolvimento com pautas urgentes da atualidade.

"Nos últimos vinte anos, a exposição tem sido apontada como um celeiro da jovem produção contemporânea, sendo vista por distintos públicos, interno e externo, motivados pelas diferentes formas de divulgação, difusão e inserção", destaca o professor. Ele acrescenta que os profissionais que integram o sistema da arte têm a oportunidade de conhecer e acompanhar essa produção, o que acaba gerando convites para participações em outras exposições, além de residências e outros projetos artísticos.

Considerada uma das mais duradouras entre os eventos de arte contemporânea da cidade de São Paulo, a mostra já consagrou artistas como Ana Mazzei, Anaisa Franco, André Komatsu, Chiara Banfi, Flavia Junqueira, Graziela Kunsch, Guilherme Peters, Leticia Ramos, Lia Chaia, Marcela Tiboni, Marcelo Cidade, Marcius Galan, Mariana Palma, Marina Rheingantz, Maurício Ianês, Mauro Piva, Monica Nador, Paula Garcia, Rafael Assef, Regina Parra, Renata Haar,  Rodolpho Parigi e Rodrigo Sassi.

As obras que participam da exposição serão analisadas por uma comissão de premiação, no dia da abertura, que contemplará sete, entre os alunos, com bolsas anuais de estudos (de 60% a 90%) para o ano de 2020 na FAAP. A exposição ficará em cartaz até 9 de fevereiro de 2020. Durante esse período, serão realizados encontros com as comissões de seleção e premiação, bem como com um grupo de artistas que participaram do programa de residência artística da FAAP na Cité des Arts, em Paris.

Mostra paralela

"Paris está em chamas", com curadoria do prof. Marcos Moraes, apresenta obras incorporadas ao acervo do MAB FAAP e que já foram apresentadas em edições anteriores da Anual de Arte, produzidas por alguns dos artistas que fizeram residência artística na Cité des Arts, em Paris, nos últimos dez anos, a partir do convênio que a FAAP mantém com a instituição francesa.

A mostra - que ficará em cartaz no mesmo período da Anual de Arte - apresenta obras de artistas como Flávia Junqueira, Henrique César, Isis Gasparini, Rodolpho Parigi, Rodrigo Sassi, Thiago Honório, entre outros.

Deixe um comentário

Por favor, escreva um comentário
Por favor, escreva seu nome

EnglishPortuguese